segunda-feira, 12 de novembro de 2018

Caso Daniel: Mais um suspeito de envolvimento na morte do jogador presta depoimento à polícia



Depoimento começou às 10h desta segunda-feira (12); jogador foi morto na Região Metropolitana de Curitiba em 27 de outubro.


Eduardo Henrique da Silva, um dos seis supeitos de participação na morte do jogador Daniel, está sendo ouvido pela Polícia Civil do Paraná nesta segunda-feira (12). O depoimento começou às 10h.


O rapaz de 19 anos foi preso em Foz do Iguaçu, na região oeste do Paraná, na quarta-feira (7). De lá, foi levado para a Delegacia de São José dos Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba, onde está detido.



Eduardo é primo de Cristiana Brittes, esposa do empresário Edison Luiz Brittes Júnior. O empresário confessou ter matado Daniel.




A família Brittes – Edison, Cristiana e Allana, que é a filha de 18 anos do casal – está presa temporariamente. Os três já prestaram depoimento à Polícia Civil.


Outros dois supeitos também já foram ouvidos. Ygor King, de 19 anos, e David Willian da Silva, de 18, estão presos desde quinta-feira (8).


Além deles, o delegado Amadeu Trevisan ouviu testemunhas que estavam na casa na data do crime e familiares do jogador Daniel.


Segundo a polícia, a família Brittes e os três outros suspeitos devem ser indiciados por homicídio qualificado.

Fonte:G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Últimas